Após ter dado uma “goleada” no Brasil no quesito “Prêmios Nobel” (5 a 0, vide post específico), nosso país vizinho também no vence quando o critério é número de estatuetas “Oscar”.

Tratando-se da categoria “Melhor Filme Estrangeiro”, a Argentina venceu a disputa nos anos de 1986 (La Historia oficial) e em 2010 (El secreto de sus ojos). Em número de indicações, dá empate (4 a 4). Lembrando que o Brasil teve os seguintes filmes indicados ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro: O pagador de promessas (1963), Quatrilho (1996), O que é isso companheiro? (1998) e Central do Brasil. (1999).

Mais uma vitória argentina.

Anúncios