Primeiramente, destaco que este post é sobre música (cultura), e esta de vez em quando trata do futebol. Quando Francis Hime e Chico Buarque compuseram a música “E se” no começo dos 80 certamente ele pensou em descrever situações quase impossíveis de acontecer. Parece que a música deu sorte ao time de Arapiraca, que já foi campeão alagoano em diversas oportunidades a partir de então. Agora, quem sabe, poderá ser a vez de vencer o Campeonato do Nordeste. Pelo menos, já está entre os quatro primeiros. Parabéns ao povo de Arapiraca que provou que nada é impossível para o povo alagoano. Que me desculpem Francis Hime e Chico Buarque…

“E se o oceano incendiar
E se cair neve no sertão
E se o urubu cocorocar
E se o botafogo for campeão
E se o meu dinheiro não faltar
E se o delegado for gentil
E se tiver bife no jantar
E se o carnaval cair em abril
E se o telefone funcionar
E se o pantanal virar pirão
E se o Pão-de-Açúcar desmanchar
E se tiver sopa pro peão
E se o oceano incendiar
E se o Arapiraca for campeão
E se a meia-noite o sol raiar
E se o meu país for um jardim
E se eu convidá-la para dançar
E se ela ficar assim, assim
E se eu lhe entregar meu coração
E meu coração for um quindim
E se o meu amor gostar então de mim”