Barcelona e Real Madrid: civilidade na rivalidade

Na foto, Cristiano Ronaldo comemora um de seus gols na vitória do Real Madrid sobre o Barcelona, que garantiu a passagem do clube da capital espanhola para a final da Copa do Rei, espécie de Copa do Brasil de lá.

Alguém vai dizer: “e este blog é sobre futebol?” Bom, a princípio não, a não ser que se esteja diante do futebol como aspecto cultural, ou o futebol-arte, ou se o post tratar de viagens através do mundo da bola.

Mas o que me motivou a escrever este post foi a foto em que Cristiano Ronaldo é fotografo por inúmeros torcedores do rival Barcelona. Como morei dois anos na Espanha, senti de perto a enorme rivalidade entre os clubes, sem dúvida, a maior do planeta. Entretanto, isto não impede que as pessoas sejam civilizadas e reconheçam o talento adversário.

Por sua vez, os madrilenhos já aplaudiram Messi e Ronaldinho Gaúcho no Santigo Bernabeu,.

http://noticias.bol.uol.com.br/esporte/2009/12/28/ult4737u44225.jhtm

Quando teremos uma torcida civilizada a este ponto? Ano passado, a torcida do Cruzeiro aplaudiu Neymar em jogo contra o Santos, mas via de regra, ir a um estádio de futebol no Brasil é uma atividade arriscada; no mínimo seus ouvidos serão agredidos com ofensas e ameaças despropositadas. Não que tenhamos de ser corteses como alguns torcedores europeus (alguns, porque os hooligans ingleses não são um bom exemplo), mas, pelo menos, que as pessoas saibam que o torcedor do outro time é apenas um adversário no campo esportivo, e não um inimigo.

Anúncios