Ouça Luiz Gonzaga cantando as coisas de Alagoas, em dose dupla

Neste ano do centenário do nascimento do Rei do Baião, é bom lembrar que Luiz Gonzaga cantou as belezas de Alagoas, e isto aconteceu em mais de uma oportunidade.

Nas músicas “Maceió” e “Pedaço de Alagoas”, Gonzagão mostra porque é o maior representante da música nordestina.

MACEIÓ

Ai, ai
Que saudade, a i que dó
Viver longe de Maceió } bis

Alagoas
Tem jóias tão caras
Que meus olhos
Não cansam de olhar
Uma delas és tu Pajuçara
Praia linda engastada no mar
Quando a lua no céu adormece
Pajuçara se enfeita ainda mais
Vem à brisa rezar uma prece
Entre as folhas dos seus coqueirais

As noitadas felizes nas ostras
Bons amigos que choram até
Que saudade de Bica da Pedra
E dos banhos lá no Catolé
Recordando estas coisas tão boas
Sou feliz não me sinto tão só
Toda gente que sai de Alagoas
Coração deixa em Maceió

PEDAÇO DE ALAGOAS

Areia branca à beira-mar
Ai que saudade
Qualquer dia desse eu volto lá ] bis

Quem é que não gosta de carinho
Quem é que não gosta de um xodó
Quem é que não sente saudade
De um dia de sol em Maceió } bis

Num passeio de barco ou de jangada
E a velha piscina do meio do mar
Levar sua namoradinha
Pra um dia feliz e regressar

Num domingo de sol bem cedinho
Passear na Lagoa de Mundaú
Tomar uma cachaça no trole
E pedir tira-gosto de caju

Tomar banho na Bica da Pérola
Rever a Praia do Francês
E a Barra de São Miguel
Em conchinha voltar outra vez
Cururipe tem praias tão lindas
Que se confundem com o mar
São José de Coxinho abeçoe
Lagoa do Pau pra marujo que há

Anúncios