Como estamos em julho, é verão na Europa, ótima oportunidade para visitar os países do norte do continente, em especial, a Escandinávia, região geográfica, histórica e cultural que abrange, em sentido mais estrito, a Dinamarca, Suécia e Noruega, e, em sentido mais amplo, também a Finlândia e a Islândia.

Não estou afirmando que você não possa visitar estes países em outras épocas do ano: estive na Noruega na primavera (meados de maio), e a temperatura era amena em Oslo, mas à medida que subíamos a montanha (literalmente), chegamos até a pegar dias nevando. Por sua vez, fui à Suécia e à Dinamarca no verão (julho) e senti tudo menos calor:  temperatura pra lá de agradável. Vale lembrar ainda que no verão, as pessoas estão mais ao ar livre, o que dá um clima especial às cidades, com muita gente nos bares, ruas, praças e parques.

A Escandinávia é conhecida mundialmente por suas belas paisagens e excelente qualidade de vida, bancadas por uma alta carga tributária. O custo de vida nestes países é altíssimo. Assim, se o seu negócio é viajar para fazer compras, certamente os países da Escandinávia não são um paraíso dos consumidores.

Quanto ao transporte, as cidades não são tão próximas para que se possa alugar um carro para percorrer os deslocamentos. O trecho mais curto é entre Oslo e Copenhague (525 km).  Entre Estocolmo e Copenhague, são 655 km. A paisagem talvez compense as distâncias. Todavia, há muitos voos entre elas. Também sugiro um cruzeiro pela Escandinávia, ótima oportunidade para visitar as cidades.

Copenhague (Dinamarca): a cidade é encantadora, cheia de palácios e parques. Concilia edifícios antigos com construções modernas, em uma combinação bem harmônica. Também se destaca pelo ótimo urbanismo, com muitas ciclovias, e preocupação com o meio ambiente. Um interessante passeio em Copenhague é o conhecer o Parque Tivoli, um dos parques de diversão mais antigos do mundo (1843). Também recomendo o Palácio Real, o animado bairro de Nyhavn (com um lindo canal com casinhas típicas) e uma esticadinha, via ponte que se transforma em túnel, até a cidade sueca de Malmo.

Oslo (Noruega): apesar de ser menos badaladas das três, a capital norueguesa é surpreendente. Cheia de parques (com destaque para o maravilhoso Parque  Vigeland ou das Esculturas), prédios de arquitetura moderna, charmoso cais com ótimo calçadão,  agradável região central, onde se destaca o Palácio Real, a maior pista para saltos de esqui do mundo, uma linda ópera, a Prefeitura, etc.

Ficheiro:Oslo city in 10 images.jpg

 

Estocolmo (Suécia): certamente, uma das cidades mais bonitas da Europa, com uma localização mais que privilegiada, com várias ilhas e pontes. A capital sueca oferece excelentes museus (como o Vasamuseet, onde há um lindo navio do século XVII retirado intacto do fundo do mar), lindo parques, construções imponentes, como a Prefeitura e o Palácio Real.

Anúncios