Minha última viagem à Alemanha foi a mais curta. Na verdade, há uns três anos atrás, estava viajando pela Suíça no outono com um grupo de amigos. Havíamos feito um tour de carro pelo país e dormimos a última noite em Berna, linda cidade com um patrimônio histórico formidável.

Somente teríamos que devolver o carro no fim do dia no aeroporto de Zurique, ou seja, estávamos com todo o dia livre, mas já havíamos conhecido as principais cidades da Suíça alemã (Zurique, Lausanne, Interlaken, Berna).

Foi quando, de forma “má intencionada”, sugeri: “Por que não damos uma passadinha pela Alemanha?” Lógico que não perdi tempo ao tentar convencer o grupo, através dos mais genuínos argumentos, a rodar mais algumas dezenas de quilômetros e visitar Constança (Konstanz em alemão), cidade que fica em um belo lago (Bondsee ou Constança), situado na tríplice fronteira da Suíça, Alemanha e Áustria.

Foi aí que fomos passar algumas horas nesta bela cidade, que tem um centro histórico bonito, prédios imponentes e belas paisagens naturais às margens do lago. Certamente, no verão, a cidade fica muito mais agitada, mas valeu a pena.

Anúncios