Neste dia 28 de outubro, é comemorado no Brasil o dia do servidor público, categoria da qual tenho a honra de integrar duplamente, seja como advogado público, seja como professor universitário (até a matéria que leciono, Direito Administrativo, aproxima-me do tema). Onde quer que eu ande, exalto o papel do servidores públicos na construção de uma sociedade melhor. Considero que ser servidor público deveria ser uma opção para aqueles que estão vocacionados, e não apenas uma alternativa para se conseguir maior estabilidade.

O fotógrafo holândes Jan Banning realizou um magnífico projeto, intitulado Bureaucratics (http://www.janbanning.com/gallery/bureaucratics/), em que fotografou servidores públicos dos mais diferentes países do globo. Todos eles estão pousando para a foto sentados em seus “escritórios” (ou em algo que possa se parecer com um). O resultado ficou formidável: podemos concluir que as diferenças econômicas e culturais dos países se refletem diretamente no tratamento que os Estados dão a seus servidores.

França:

Índia:

Bolívia:

China:

Libéria:

Rússia:

Estados Unidos:

Iemen:

Fotos retiradas do site: http://www.cultpop.com.br/cultpop/jan-banning-bureaucratics/