Por ser um continente que reúne, em uma área equivalente a do território brasileiro, quase 50 países, a Europa proporciona situações muito favoráveis a quem pretende explorá-la com turista. Exemplo disto é a possibilidade de ir de uma importante capital (Viena) para outra (Budapeste), passando por mais uma pelo caminho (Bratislava), em menos de 3 horas, rodando menos de 300 quilômetros.

De: Budapest, Hungary Para: Vienna, Austria

As capitais da Áustria, Hungria e da Eslováquia, formam com Praga, o principal roteiro turístico do chamado Leste Europeu. Enquanto a capital da República Tcheca é considerada uma das cidades mais bonitas do Velho Mundo, suas vizinhas Viena, Bratislava e Budapeste não deixam a desejar aos turistas mais exigentes. Quer saber o motivo? Veja abaixo:

VIENA:

Com centenas de parques, inúmeros museus de primeira classe e palácios que remontam o período em que a cidade era o centro do Império Áustro-Húngaro, a capital da Áustria é considerada como uma das de melhor qualidade de vida do planeta, conforme a reportagem http://mexico.cnn.com/salud/2012/12/04/viena-la-capital-de-austria-es-la-mejor-ciudad-para-vivir

Ótimos programas na cidade é visitar a Ópera Estatal (a cidade é um dos principais centros de música do mundo), os Museus de História da Arte e de História Natural, caminhar pelo elegante calçadão da cidade, que reúne cafés e confeitarias sem comparação, conhecer a Igreja de São Estevão e os magníficos palácios de Hofburg, Schönbrunn e Belvedere, e ir andar na centenária roda gigante Wiener Riesenrad, inaugurada em 1897.

BUDAPESTE:

A capital da Hungria vem passando por um processo de recuperação de seu patrimônio histórico, que aliás é impressionante, desde que o país deixou o comunismo nos anos 90. Hoje, o que se vê é uma cidade que agrada turistas que apreciam momumentos históricos de grande significância e beleza arquitetônica, com destaque para o Parlamento, a Ponte das Correntes, a Basílica de São Estevão e o Castelo de Buda. Outros passeios agradáveis é passear às margens do Danúbio ou mesmo conhecer uma dos magníficos banhos termais da cidade.

BRATISLAVA

A capital da Eslováquia é a menos famosa do trio. Não obstante, não decepciona. Com cerca de 500 mil habitantes, vem crescendo para o turismo internacional desde que o país de tornou independente da antiga Tchecoslováquia, em 1° de janeiro de 1993. Outro fator que vem contribuindo para que a cidade se tornasse mais conhecida é sua proximidade com Viena (80 quilômetros) e Budapeste (200 quilômetros). O principal ponto turístico desta interessante cidade é o Castelo de Bratislava, imponente construção medieval situada no alto da colina, da qual se tem uma impressionante vista da cidade, com o Rio Danúbio e o belo casario histórico.

Como ir de Viena a Budapeste de trem: http://pt.eurail.com/europe-by-train/routes/vienna-to-budapest-train

Com ir de viena a Budapeste de ônibus: http://proximosdestinos.com/2012/01/22/de-viena-a-budapeste/

Como ir de Viena a Budapeste (e vice e versa) de barco, pelo Danúbio: http://vienna-hydrofoil.hotels-in-budapest-hungary.com/

Anúncios