Um dos maiores sites de busca de hotéis no mundo (talvez o maior) é o booking.com, criado em 1996 em Amsterdam (Holanda) e hoje sediado nos Estados Unidos. Segundo o site de buscas, o booking.com disponibiliza mais de 700 mil opções de hospedagem e reserva, todos os dias, mais de 900 mil quartos.

Através dos números do booking.com, podemos ter uma amostra de como está estruturado o turismo na região Nordeste do Brasil. Seguem abaixo alguns números que pesquisei:

NÚMERO DE OPÇÕES DE HOSPEDAGEM (hotéis, pousadas, flats, apartamentos, etc)

ESTADOS DO NORDESTE:

1 – BAHIA – 1.911

2 – CEARÁ – 1.147

3 – PERNAMBUCO  – 789

4 – RIO GRANDE DO NORTE – 704

5 – ALAGOAS – 403

6 – PARAÍBA- 218

7 – MARANHÃO – 134

8 – PIAUÍ – 91

9 – SERGIPE – 87

CAPITAIS NORDESTINAS:

1 – FORTALEZA – 541

2 – SALVADOR – 371

3 – NATAL – 291

4 – MACEIÓ -184

5 – RECIFE – 180

6 – JOÃO PESSOA – 134

7 – ARACAJU – 73

8 – SÃO LUÍS – 51

9 – TERESINA – 27

Algumas observações sobre os números acima:

I – O turismo no Ceará é bem forte, estando metade dele concentrado na capital Fortaleza, que reúne o maior número de opções de hospedagem entre as capitais;

2 – Os destinos Pipa (RN), com 192 opções, e Porto de Galinhas (PE), com 267, são essenciais para seus respectivos Estados: há mais opções em Porto de Galinhas que em Recife;

3 – Quase todas as opções de hospedagem de Sergipe se concentra em Aracaju (73 de 87);

4 – O turismo em Alagoas é forte, se comparado a estados de mesmo porte como Sergipe e Paraíba, mas ainda pode crescer muito, pois ainda está distante do Rio Grande do Norte, que tem 300 opções de hospedagem a mais;

5 – Mais da metade das opções de hospedagem de Alagoas estão fora de Maceió;

6 – Há mais opções de hospedagem em Maceió (184) que em Recife (180);

7 – O grande exemplo de descentralização do turismo nordestino está na Bahia, onde 80% da oferta de hospedagem está fora de Salvador;

8 – Praticamente inexiste turismo em Teresina, que só oferece 27 opções de hospedagem no booking.com;

9 – Fortaleza praticamente que o mesmo número de opções de hospedagem que a soma de Salvador e Recife;

10 – O Rio Grande Norte tem quase o mesmo número de opções de hospedagem que Pernambuco.

Por oportuno, segue abaixo uma tabela que mostra o fluxo de turistas na região:

E nas capitais:

Na tabela abaixo, por sua vez, há dados sobre os cursos de turismo no Nordeste: