Resultado de imagem para manuel joaquim de albuquerque lins

Apesar de ser um Estado de pequena dimensão territorial e de pouquíssima expressão econômica, Alagoas sempre surpreendeu, ao produzir grandes nomes para o país (e, às vezes, para o mundo, como é o caso de Graciliano, Pontes de Miranda e Nise da Silveira).

O mais curioso é que o conhecimento (e o reconhecimento) público da relação de alagoanos que fizeram (e ainda fazem) a diferença no cenário nacional e mundial não para de crescer. Neste contexto, recentemente, descobri que um alagoano nascido em São Miguel dos Campos em 1851 teve grande destaque na vida política daquele que é considerado o motor do país: o Estado de São Paulo.

Trata-se de Joaquim Manuel de Albuquerque Lins. Já ouviu falar dele?

Sobre ele, cabe registrar que era”filho de Manuel Joaquim de Albuquerque Lins e de Orminda da Rocha e Silva. Seu pai era dono de engenho de açúcar em Alagoas. Seu primo João Lins Vieira Cansanção de Sinimbu, o visconde de Sinimbu, foi presidente do Conselho de Ministros do Império entre 1878 e 1880” (Fonte: http://cpdoc.fgv.br/sites/default/files/verbetes/primeira-republica/LINS,%20Manuel%20de%20Albuquerque.pdf)

Estudou em Salvador, Recife e São Paulo. Graduado em Direito, sua trajetória profissional (especialmente na política) é de impressionar: ainda no Império, ele foi promotor em Alagoas, juiz em São Paulo, nomeado Chefe de Polícia no Paraná (não chegou a tomar posse), deputado provincial por São Paulo e foi nomeado Presidente da Província do Rio Grande do Norte em 1889, mas também não chegou a tomar posse.

Resultado de imagem para manuel joaquim de albuquerque lins

Todavia, foi na República e principalmente no Estado de São Paulo que Albuquerque Lins mais se destacou. Sobre esta constatação:

À época do Império, alguns paulistas governaram Alagoas: José Joaquim Machado de Oliveira (14/12/1834); Antônio Moreira de Barros (09/09/1867 a 22/05/1868); Antônio Cario da Silva Prado (de 05/09/1887 a 16/04/1888). Mas pouca gente sabe que um alagoano já governou São Paulo. Trata-se de Albuquerque Lins, que esteve à frente da governança do maior estado do País de 1º de maio de 1908 a 1º de maio de 1912“. (fonte: http://blogdoetevaldo.blogspot.com.br/2016/05/albuquerque-lins-o-alagoano-que.html)

No Estado de São Paulo, ele foi vereador do Município de São Paulo (1899 a 1901), Secretário Estadual da Fazenda (1902-1906) e do Tesouro Estadual (1904 a 1907), governador (na época chamado de Presidente) do Estado de São Paulo entre 1908 e 1912, tendo sido considerado até hoje como um dos mais importantes que o citado Estado já teve, tanto que em 1910 foi escolhido para ser o candidato a Vice-Presidente da República, na chapa encabeçada por Ruy Barbosa. Curiosamente, venceu a eleição para presidente da República um filho de alagoano, Hermes da Fonseca.

Resultado de imagem para manuel joaquim de albuquerque lins

Resultado de imagem para manuel joaquim de albuquerque lins

Na foto acima, os candidatos a Presidente e Vice-Presidente da República: Ruy Barbosa e Albuquerque Lins

Após governar São Paulo, Albuquerque Lins foi ainda Senador estadual por três mandatos (1913-16; 1916-22 e 1922-26).Em reconhecimento ao trabalho de Albuquerque Lins, “foi criado, pela Lei nº 1.708, de 27 de dezembro de 1919, o município de Albuquerque Lins, que, em 1926, teve alterada a denominação para Lins. (fonte: http://www.historiadealagoas.com.br/albuquerque-lins-o-alagoano-que-governou-sao-paulo.html)

Também teve sucesso nos negócios, tendo sido proprietário rural e banqueiro, ao presidir o Banco Popular de São Paulo, mais tarde denominado Banco Provincial de São Paulo.

Localização de Lins

Resultado de imagem para cidade de lins

Nas imagens acima, a mapa e foto área da cidade de Lins/SP, cujo nome presta homenagem ao alagoano.

 

 

 

Anúncios